44 3252-1177

contato@oregionaljornal.com.br

Enfermeira de Inajá, morre atropelada por carro em Maringá:

A enfermeira Cristiane Luzia Terezio da Fonseca Dias, de 37 anos, morreu ao dar entrada no pronto socorro do Hospital Bom Samaritano de Maringá. Cristiane sofreu um acidente na manhã da sexta-feira (23) na Avenida Rio Branco esquina com Rua Santa Joaquina de Vedruna, na zona 05.



A enfermeira estava em cima do canteiro se preparando para atravessar na faixa de pedestre quando um automóvel atropelou e arremessou o corpo da vítima contra uma camionete que estava do outro lado da avenida, chegando a colidir contra a camionete.



A enfermeira Cristiane sofreu sérias lesôes em crânio ficando desacordada. Um socorrista e médico da Unimed que voltava de uma ocorrência se depararam com o acidente e prestou os primeiros atendimentos até a chegada do Siate e Samu.



Foi preciso intubar a enfermeira já que havia exposição de massa encefálica no local. A vítima recebeu todos os procedimentos médicos ainda na ambulància do Samu para depois ser encaminhada para o Hospital Bom Samaritano.



Após ser estabilizada, Cristiane foi levada para o hospital onde sofreu várias paradas cardíacas e infelizmente nào sobreviveu. O motorista da infração identificado pelo nome de Vinicius de Maria e Silva, de 35 anos, foi detido por policiais militares e encaminhado para a Delegacia da Polícia Civil de Maringá.



Segundo o motorista, ele perdeu o controle do veículo quando ele tinha acabado de realizar a rotatória para subir para a Avenida Rio Branco. Imagens de câmera de segurança mostram que o automóvel subia a avenida em uma velocidade excessiva quando atingiu a enfermeira.



A imagem mostra ainda que o veículo arremessou o corpo de Cristiane contra a camionete. Cristiane Dias iria começar a trabalhar no Hospital Santa Rita da ala SUS na próxima segunda-feira. A enfermeira fez o exame admissional na última quinta-feira (22).


 


Cristiane da Fonseca Dias, o que falar de você? 


 


O mundo nos prega muitas surpresas. Muitas nos fazem sofrer, trazem tristeza, dor e luto. A sua partida, tão prematura, foi uma dessas surpresas imprevisíveis do destino que nos tiram o chão.



Vá sem medo, sem preocupações e mantenha viva a certeza que aqui todo mundo vai lembrar sua existência com alegria e muita saudade. Sua vida foi um mar de surpresas, sempre foi honesta e sincera.



Seu jeito de enxergar a vida e as pessoas era diferente, sempre alegre, mulher de fibra, que para alcançar seus objetivos não havia barreiras, em meios de tantas dificuldades e sofrimentos, nunca desistiu, assim foi em todas as partes, estudos, parte emocional, desistir era palavra desconhecida para ela, enfermagem era seu foco, seu objetivo e sua paixão, buscava conselhos entre as amigas na qual sempre teve apoio e motivação, teve varias dificuldades, emocional, financeiras, barreiras e mais barreiras, mais nada a impedia de estudar, até que finalmente conseguiu chegar ao seu objetivo, foi para cidade grande, tentar melhoria, dar o melhor para seus filhos, quando finalmente conseguiu o emprego dos seus sonhos, sua vida foi interrompida, mais sabemos que tudo foi permissão de Deus.



A Direção e Amigos do  Hospital Municipal  Espírito Santo de Inajá

Relato da sua companheira de trabalho: Marcela Monteiro
“Falando nela como amiga, ela chorava com o choro da gente, quantas vezes no nosso plantão estávamos mal, triste, desanimadas e preocupadas, ela pegava suas mãos leves em minhas mãos olhava nos olhos da gente fazia oração e repreendia tudo de ruim que estava acontecendo nas nossas vidas, me ensinou muito repreender pensamentos ruins, pensamentos de realizar atitudes ruins, e sempre dizia: repreenda e ouça louvores, que assim você vai ficar bem, você vai fortalecer.



Difícil acreditar que você partiu, tão cedo, tão jovem, com tanta vitalidade, você deixou marcas de perseverança, de nunca desistir, através dessas palavras, vamos lembrar para sempre de você”.



Fonte: Jornal O Regional
Mais Notícias:
  • 18/02/2020 - A Estilo Cowboy é uma empresa online especializada...
  • 18/02/2020 - A luta contra a Aedes Aegypti precisa ser constant...
  • 18/02/2020 - Sindicato dos Trabalhadores Rurais de Paranacity s...
  • 18/02/2020 - Quando as coisas vão ficar bem?
  • 18/02/2020 - Marketing Eleitoral. Necessidade ou luxo?
  • 18/02/2020 - Retiro de espiritualidade pastoral da saúde
  • 18/02/2020 - Início do ano letivo de 2020 da rede municipal de...
  • 11/02/2020 - Evento solidário em Santo Inácio atrai mais de 1....
  • 11/02/2020 - Vou ser Candidato. Posso fazer propaganda?
  • 11/02/2020 - Noção Incompleta: Como o mundo aprendeu a separar ...
  • 11/02/2020 - Exposição no Palácio Iguaçu mostra redações sobre...
  • 11/02/2020 - Entidades pedem apoio a Embrapa para desenvolvime...
  • 11/02/2020 - 237 veículos reforçam a proteção social em 167 mun...
  • 04/02/2020 - Jardim Olinda recebe a “Deputada da Ponte” Aline...
  • 04/02/2020 - Câmara devolve mais de R$ 260 mil ao executivo c...
  • 04/02/2020 - Os Meninos de Belém
  • 04/02/2020 - Por que nessa Eleição preciso me preparar antes?
  • 04/02/2020 - Agora são proprietários!
  • 04/02/2020 - Departamento de Educação e Cultura de Mandaguaçu p...
  • 28/01/2020 - O que o Candidato precisa fazer agora para ter cha...
  • 28/01/2020 - Parceria da Volkswagen com Governo garante unidade...
  • 28/01/2020 - Colorado sedia a 9ª Copa Sul-Americana de futebol ...
  • 28/01/2020 - Saúde em Mandaguaçu ganha novo formato em 2020
  • 21/01/2020 - Máquina de Pintura Viária garante economia de temp...
  • 21/01/2020 - Itaguajé assume Patrimônio Histórico, Arqueológic...
  • 21/01/2020 - Roberto Alvim, Conservadorismo e Arte
  • 21/01/2020 - Presidente da Câmara assume interinamente cargo d...
  • 21/01/2020 - A Posse dos novos membros do Conselho Tutelar
  • 21/01/2020 - Rotary Club de Itaguajé faz doação à APAE
  • 21/01/2020 - Novos integrantes do Conselho Tutelar de Ourizona...
  • Endereço Rua Lord Lovat, 500 - Centro Nova Esperança-PR | CEP: 87600-000 Fone: (44) 3252-1177
    Desenvolvimento Hnet Sistemas