44 3252-1177

contato@oregionaljornal.com.br

Segunda Marcha para Jesus em Nova Esperança:

Cerca de 600 pessoas da sociedade em geral e das mais diversas igrejas cristãs evangélicas de Nova Esperança, participaram direta e indiretamente, da Marcha para Jesus 2019, em Nova Esperança, no último sábado (28/09).



Tradicional evento cristão do mundo, a Marcha para Jesus teve a sua primeira edição em 1987, em Londres (Inglaterra) com o propósito de tirar a igreja cristã de dentro de “quatro paredes” e mostrar que está viva e presente na sociedade. No Brasil, a primeira edição do evento ocorreu em 1993, na cidade de São Paulo. Trata-te de um evento pacífico, aberto a população em geral e reúne as igrejas cristãs na celebração da fé em Jesus.



Os participantes da Marcha para Jesus, em Nova Esperança, se concentraram na Rua Marins Alves Camargo, em frente ao Fórum Municipal. Pastores e pastoras fizeram leitura da bíblia e oraram pelo Poder Judiciário. Em seguida marcharam a pé seguidos de carreata com veículos, com orações e cânticos pelas ruas da cidade, até a Câmara Municipal.



No plenário da Câmara e no Paço Municipal, também foram realizadas leituras da bíblia e orações pelos Poderes Legislativo e Executivo.


 


A Marcha foi encerrada com Celebração na Concha Acústica. As imagens das transmissões ao vivo podem ser obtidas na página do COPENE no facebook.com/Copenenovaesperanca. A próxima Marcha Para Jesus, em Nova Esperança, já tem data marcada, será no dia 19 de setembro de 2020. Fonte: COPENE – Conselho de Pastores de Nova Esperança. Facebook.com/Copenenovaesperanca.


 


Alguns relatos de benção que se tornou o desejo das pessoas de marchar para Jesus


 


- Débora Teodoro Batista (na foto com a filha Laura Batista), esse ano participou da equipe de apoio. Relata que em 2018 participou com muitas dificuldades. “Eu não estava legal, emocionalmente abalada pelas circunstâncias da vida. Deixei o grupo da igreja que estava concentrado em frente o Fórum e voltei para minha casa, depois resolvi voltar e fui até a Concha, mas, nada bem. Esse ano foi diferente. Comecei a orar antes. Deus me ajudou, fiz o que mais gosto, não só participar, mas ajudar, estar no meio do povo. Ajudei a cuidar dos banheiros. Ouvia os comentários das pessoas, estavam ali com o coração aberto mesmo, impactados, as pessoas oravam, clamavam a Deus pelas suas vidas, famílias e pela cidade. Para mim a marcha de 2019 foi muito melhor que a de 2018.”


 


- Rute Pereira, é Pastora do Ministério Esperança, liderou as pessoas da igreja em 2019. Relata que em 2018 ficou “presa” cuidando de equipamentos na Concha. Na semana da marcha fui atingida por uma seta maligna e passei mal, inclusive, após a marcha passei a noite hospitalizada e precisei, para se ter idéia, meses depois, de atendimento psiquiátrico. “Esse ano foi diferente. Primeiro passei a cuidar mais de mim mesma. Depois fiquei livre para marchar com os irmãos da igreja. Queria muito participar. Deus me abençoou, a minha saúde melhorou, passei a fazer caminhadas diárias, me preparei, ficou fácil para realizar o trajeto da marcha com tranqüilidade. Meu único equívoco foi o tênis de passeio, dificultou um pouco, eu deveria calçar outro aprópriado para caminhadas”, confidencia a Pastora.


 


- O relato mais emocionante é de Dulce Siqueira, a única cadeirante no evento, veio de Paranavaí para participar da Marcha. Ela conta que sofreu um grave acidente vascular cerebral – AVC, no final de 2016 e, em 2018, acompanhou a marcha pela transmissão ao vivo na página do COPENE no Facebook. “Ano passado eu acompanhei acamada numa cama. Fiz um combinado com Deus, queria vir participar. Quando cheguei na Concha ainda não tinha ninguém, mas, me disseram que iria encher de gente. Pensei, vou ficar num canto, assim ninguém me vê e não atrapalho. De repente, no meio de tanta gente, o Pastor Waldemar (presidente do COPENE) veio, falou comigo, uma bênção. Eu não imaginava que presencialmente poderia ser mais lindo, maravilhoso, muito melhor que assistir o vídeo”.



Fonte: Jornal O Regional
Mais Notícias:
  • 11/08/2020 - ‘Velho Chico Zellerhoff’ se transforma em Vila Olí...
  • 11/08/2020 - Deputada Aline Sleutjes recebe homenagens pelo co...
  • 11/08/2020 - Aniversário solidário leva leite para 220 famílias...
  • 11/08/2020 - Marketing Eleitoral Gratuito Veja como fazer Aqui ...
  • 11/08/2020 - Encontro do Aliança pelo Brasil em Brasília reúne ...
  • 11/08/2020 - Apologética cultural no século XXI
  • 11/08/2020 - Arilson defende fim da substituição tributária par...
  • 11/08/2020 - Mandioca: cadeia produtiva abre frentes para o des...
  • 11/08/2020 - Agosto Dourado e a Semana Mundial do Aleitamento ...
  • 04/08/2020 - 67 jovens de São Jorge do Ivaí e Ourizona juram à ...
  • 04/08/2020 - Terapias que auxiliam no período do Distanciamento...
  • 04/08/2020 - 1° Torneio de Kata em Prol ao Fabinho
  • 04/08/2020 - Barracão Industrial Mário Peron, Auditório Jonas B...
  • 04/08/2020 - A vida in modo juventutis: Cultura e Política
  • 04/08/2020 - Como fazer propaganda eleitoral nesse período?
  • 04/08/2020 - Vida de Agricultor, casal exemplo de superação
  • 28/07/2020 - Divisas do Paraná em Santo Inácio e Diamante do N...
  • 28/07/2020 - Comando da 4ª Companhia Independente de Londrina ...
  • 28/07/2020 - Pista de Caminhada e Portal são entregues em Flora...
  • 28/07/2020 - Até quando o prefeito pode inaugurar obras?
  • 28/07/2020 - O Cristão e a Ecologia: uma teologia do Jardim de ...
  • 28/07/2020 - Produção de vacina da Covid-19 no Paraná
  • 21/07/2020 - Santo Inácio entrega Obra inovadora no centro da c...
  • 21/07/2020 - E-commerce no Brasil
  • 21/07/2020 - Deputados querem empréstimo a JURO ZERO para micro...
  • 21/07/2020 - Projeto de Auxílio Emergencial para Agricultor Fam...
  • 21/07/2020 - Segurança Alimentar para crianças e adolescentes p...
  • 21/07/2020 - Em Paranacity, animais de rua têm apoio do Projet...
  • 21/07/2020 - O Jovem intelectual maturidade, dedicação e solidã...
  • 21/07/2020 - Fique por dentro das novas datas desta Eleição
  • Endereço Rua Lord Lovat, 500 - Centro Nova Esperança-PR | CEP: 87600-000 Fone: (44) 3252-1177
    Desenvolvimento Hnet Sistemas