44 3252-1177

contato@oregionaljornal.com.br

Marcela Reguine de Inajá, sinônimo de “Superação:

Iniciou no serviço público em 2002, há 18 anos de dedicação ao município, já prestou serviço para o estado, atuando na escola estadual, trabalhando no setor de xerox, sendo uma atribuição principal porque ela é uma verdadeira “Faz tudo”, muito inteligente tanto na área tecnológica quanto artística.



Atualmente trabalha no Departamento de Educação do município, desempenhando vários papéis dentro desse setor: na organização, limpeza, painéis comemorativos para a educação e biblioteca cidadã, ajuda na organização dos eventos, confecção de material pedagógico junto com a equipe, organização de pastas e documentos administrativos, confecção de certificados das semanas pedagógicas, pesquisadora dos documentos do acervo das extintas escolas rurais. Muito inteligente, sensível e atenta, Marcela percebe o que muitas vezes o que os demais colegas não notam.



Marcela mostrando estar ativa e em constante aprendizagem, no ano passado participou de curso de Assistente Administrativo, recebendo o certificado com louvor. Vale ressaltar as dificuldades que os deficientes físicos ainda enfrentam em pleno século XXI, seja na falta de profissionais com preparo, seja na falta de intérpretes, seja na discriminação e até descaso em tentar solucionar as suas próprias dificuldades.



Além de que trabalhar com ela é uma constante aprendizagem para todos que aprendem sempre mais uma palavra na linguagem de Libras. (LINGUA BRASILEIRA DE SINAIS).



Ela merece nesta semana ser homenageada sim, pois mostra que ter nascido com um diagnóstico físico não a incapacita de viver em sociedade e ainda permite a ela realizar um belo trabalho nos bastidores do município de Inajá. De suas colegas de trabalho...



Fonte: Jornal o Regional
Mais Notícias:
  • 22/09/2020 - Zezão, de saqueIro à empresário pela faculdade da ...
  • 22/09/2020 - Juntos pela EducAÇÃO Atalaia tem a 3ª melhor avali...
  • 22/09/2020 - Escola Municipal Professor Flávio Sarrão atingiu ...
  • 22/09/2020 - Educação Municipal de Santa Inês também é destaque...
  • 22/09/2020 - Saudade: entre a brevidade e a oikophilia
  • 22/09/2020 - Tradicional Bar do Leonildo, fundado em 1976, ence...
  • 22/09/2020 - Começaram as castrações gratuitas em Flórida
  • 22/09/2020 - Hospital Psiquiátrico de Maringá inaugura Serviço ...
  • 22/09/2020 - Deputados aprovam em 1ª discussão PL para incluir ...
  • 22/09/2020 - TST julga dissídio coletivo e determina encerrame...
  • 22/09/2020 - Testemunhas de Jeová manifestam gratidão aos profi...
  • 22/09/2020 - Rotary Club de Itaguajé promove plantio de mudas d...
  • 15/09/2020 - Segurança Nacional/Base Náutica Trarbach no Porto ...
  • 15/09/2020 - Hospital mantido por Itaipu ativa novos leitos de ...
  • 15/09/2020 - A Lei: um conselho para os nossos vereadores
  • 15/09/2020 - E agora. Posso divulgar meu número? NÃO.
  • 15/09/2020 - Segurança Nacional/Base Náutica Trarbach no Porto ...
  • 15/09/2020 - Nutrimental e Podium homenageiam servidores e médi...
  • 15/09/2020 - Vários fatores provocaram a alta de preços dos p...
  • 15/09/2020 - PF em Paranavaí vai combater tráfico de armas e dr...
  • 08/09/2020 - História de Sucesso: Agricultor produz mais de 80 ...
  • 08/09/2020 - Trata-se de um evento interdenominacional para t...
  • 08/09/2020 - Em setembro se comemora o Dia Mundial da Lígua de...
  • 08/09/2020 - Nova Esperança finalmente coloca fim nas pedras ir...
  • 08/09/2020 - William Ames (1576-1633), o “Doutor Erudito”
  • 08/09/2020 - Marcela Reguine de Inajá, sinônimo de “Superação
  • 08/09/2020 - O que fazer até dia 27 de Setembro?
  • 08/09/2020 - Com autorização do Judiciário, Prefeitura de Paran...
  • 08/09/2020 - Gaúcha de 27 anos é a vencedora do concurso
  • 08/09/2020 - Amazônia vai ganhar primeira biblioteca flutuante...
  • Endereço Rua Lord Lovat, 500 - Centro Nova Esperança-PR | CEP: 87600-000 Fone: (44) 3252-1177
    Desenvolvimento Hnet Sistemas